Buscar
  • Dra. Ana

TDAH NO ADULTO

O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade no adulto TDAH é mais comum que imaginamos. Por ser um distúrbio neurobiológico, não é auto curável e nem regride com a idade. O que muda são as características comportamentais de acordo com as fases da vida.


É comum os adultos com TDAH se referirem ao desafios enfrentados durante os anos escolares: maior esforço para obter os mesmos resultados escolares do que os colegas, bullying pelos pares e algumas vezes pelos professores, resultados aquém de suas habilidades e capacidades intelectuais, abandono de ideais e projetos acadêmicos por se sentirem incapazes, ansiedade e fobias em provas e nas apresentações de trabalho individual ou em grupo e comportamentos de esquiva e de isolamento social.


Muitos destes adultos, identificam o TDAH em si, ao procurar ajuda para seus filhos/familiares.


As queixas mais frequentes são instabilidade afetiva e profissional, tendendo a altos índices de problemas conjugais e de desemprego; desatenção, com dificuldades em manter o foco e estabelecer rotinas; desorganização; procrastinação, não consegue às vezes iniciar e ou concluir uma tarefa, faz “mil” planos e não segue nenhum; é visto como “desinteressado” por ser disperso e ter dificuldades em seguir uma agenda de compromissos; frustração: sabe que é capaz, porém não obtêm os resultados esperados.


Pessoas que identificam o TDAH apenas na fase adulta, tendem a ter mais prejuízos com as morbidades, do que as crianças e adolescentes que foram diagnosticados e tratados precocemente. Convivem frequentemente com uma constante sensação de fracasso e labilidade de humor, intolerância e irritabilidade.


A pergunta que ouço constantemente entre os meus pacientes é “vale a pena me tratar agora?” A resposta é sempre a mesma: “SIM”. A associação de medicamentos com o apoio psicoterápico associado as mudanças nos hábitos de vida (sono, alimentação, prática de exercícios físicos), possibilitam novas perspectivas para o presente e o futuro!

NUNCA DESISTAM DE SI MESMO!

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo