Buscar
  • Dra. Ana

ALERTA PARA OS PAIS DE ADOLESCENTES E JOVENS

A grande maioria dos jovens e dos adolescentes que fazem uso abusivo do álcool não percebem o perigo de se tornarem dependentes. A famosa frase de “paro quando quiser” geralmente é dita por aqueles que já estão sob risco de um quadro mais grave de consumo.

Fiquem atentos aos seguintes sinais:

  • Mudanças no apetite (diminuição), no sono (sonolência diurna) e no humor (agressividade)

  • Negação ao uso abusivo e a dependência, rejeitando qualquer tipo de crítica

  • Aumento no consumo e forte desejo de beber

  • Falsa sensação de autocontrole, interrompem o consumo por semanas, para depois retomar o uso, até com aumento de doses

  • Uso do álcool em situações que representam perigo para a integridade física (dirigir, nadar)

  • Dificuldades de concentração, esquecimento

  • Comportamentos de risco como doenças sexualmente transmissíveis, gravidez indesejada, lesões corporais

  • Prejuízos sociais, acadêmicos, familiares, ocupacionais



Como lidar?

É importante saber que mesmo se estiverem abertos a falar de sua relação com a bebida, a tendência é subestimar a quantidade consumida. Então sejam firmes neste enfrentamento. Firmeza é diferente de agressividade.

Faz-se necessário uma avaliação médica dos danos físicos do álcool com exames bioquímicos (hemograma, lipidograma, enzimas hepáticas)

São fundamentais a assistência psicológica e os grupos de apoio pois estimulam mudanças comportamentais


Como prevenir?


É muito importante lembrar que vocês pais são um exemplo para eles. Não incentivem o consumo de bebida dentro de casa.

Converse sobre os riscos do uso irresponsável da bebida. Beber não é sinal de maturidade.

Não aceitem negociações na possibilidade de consumo de álcool ou outra droga

Amar é muitas vezes dizer NÃO.

Uso abusivo e dependência são tratáveis, não demorem a buscar ajuda!

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo