Buscar
  • Dra. Ana

DESATANDO OS NÓS DA ADOLESCÊNCIA

Marcada por mudanças físicas e psicossociais, a adolescência faz parte de nosso desenvolvimento, uma ponte que dura mais ou menos 10 anos entre a infância e o início da vida adulta. Invadidos por vários novos hormônios responsáveis por estas mudanças, os adolescentes muitas vezes causam sentimentos de surpresa e estranhamento nas famílias e nos círculos sociais que eles frequentam.


Os conflitos entre eles e as figuras parentais geralmente se relacionam a queixas dos pais de rebeldia, nervosismo, alteração brusca de humor, distanciamento dos pais, queda no rendimento escolar, desobediência, mudanças nos hábitos de vida diária, entre outros.


Mas quero deixar registrado aqui que os adolescentes também se queixam de seus pais: irritabilidade dos pais, excesso de críticas aos desempenhos escolares, às suas amizades, às suas aparências, desrespeito às suas privacidades, falta de diálogo, e até mesmo falta de afeto.


Importante deixar um lembrete para os pais: estas mudanças fazem parte do pacote chamado “adolescência”.


Quando os pais devem se preocupar? Quando as queixas comportamentais descritas acima forem muito intensas, a ponto de comprometerem o desempenho nas diversas áreas de seus desenvolvimentos, interferindo no seu funcionamento diário. Se notarem ou sentirem que há algo errado, não demorem a procurar ajuda ou apoio, até mesmo aconselhamento profissional. Assim, podem evitar que eles enveredem por caminhos ou atalhos que trarão prejuízos irreparáveis às suas vidas.

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo