Buscar
  • Dra. Ana

Ansiedade é diferente de Transtorno de Ansiedade (TA)

Ansiedade é uma das nossas emoções. Na presença de problemas no trabalho, diante de uma entrevista, realização de provas ou de uma escolha difícil, a ansiedade pode estar presente. E até ser benéfica. Por exemplo, ansiedade ajuda a perceber uma situação de perigo com melhora da atenção, nos mantendo seguros.


Como lidar com a Ansiedade?


Aprender técnicas de relaxamento, praticar meditação, ioga, ouvir música, massagens de relaxamento, evitar ficar “martelando” sobre o problema; manter uma dieta balanceada, evitar pular refeições, limitar o uso de álcool e cafeína; dormir bem; atividades físicas diárias; técnicas respiratórias de inspirar e expirar lentamente, contar até 10 devagar, repetir e contar até 20, se necessário; manter atitudes positivas; se orgulhar de suas conquistas ao invés de supervalorizar os fracassos; ajudar ao próximo, ter proatividade na comunidade; identificar os gatilhos que desencadeiam a ansiedade; conversar com amigos, familiares e profissionais de saúde, se necessário.


E Transtorno de Ansiedade?


Transtorno de ansiedade é um transtorno mental. Vai além de um nervosismo ou um medo discreto vividos periodicamente. O Transtorno de Ansiedade ocorre quando a ansiedade interfere com sua habilidade de funcionamento, uma reação exagerado no desencadeamento das emoções e falta de controle diante de algumas situações.


Com estimativa de 264 milhões de pessoas acometidas no planeta, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), TA é um dos grandes problemas da vida contemporânea devido os prejuízos causados na vida pessoal, acadêmica, financeira, social e familiar destes indivíduos.


Quem está sob risco de desenvolver o TA?


A presença de alguns fatores de risco, associados a fatores genéticos e ambientais, aumentam a probabilidade de o indivíduo desenvolver TA como: timidez excessiva, desconforto social evitando pessoas desconhecidas, situações ou ambientes; eventos traumáticos ou agentes estressores na infância ou juventude; histórico familiar de ansiedade ou outra condição mental e problemas na saúde física como alteração da tireoide e arritmias.


Quais são os tipos de TA?


Os mais frequentes são Transtorno de Ansiedade Generalizada, Transtorno de Pânico, Fobias, Ansiedade de Separação. Algumas outras condições mentais compartilham as mesmas características do TA. Entre elas, Estresse pós trauma e Transtorno Obsessivo Compulsivo.


Tratamento


A boa notícia é que existem alguns tratamento efetivos para este transtorno. Todas as terapias ajudam o indivíduo a lidar com seus sintomas, a compreender a natureza da ansiedade, enfrentar seus medos e inseguranças, a tomar as próprias decisões. Existem inúmeros medicamentos disponíveis para TA. A combinação do uso de inibidores de recaptação de serotonina associados a terapia, apresentam excelente resposta.

Então você já sabe que não precisa sofrer sozinho! É só buscar ajuda!

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo